Páginas

1 de abril de 2009

Fim do Vestibular! Será? O que você acha?

Razão de noites maldormidas e responsável pelo crescimento de cursinhos especializados em catapultar os egressos do ensino médio às tão sonhadas carreiras universitárias, os exames vestibulares podem estar com seus dias contados.

Na semana passada, o Ministério da Educação apresentou à diretoria da Andifes, associação que reúne os reitores das 55 universidades federais, uma proposta de substituição dos diversos exames preparados por essas instituições separadamente por uma espécie de Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) ampliado.

Diferentemente do formato atual, que contempla 63 questões de múltipla escolha e uma redação, o novo exame seria composto de quatro grandes provas, realizadas em dois dias, em vez de uma única tarde, como acontece atualmente, e incluiria questões dissertativas, além da redação. Com isso, seria possível mesclar a ênfase no conteúdo dos vestibulares com a tendência mais analítica proposta pelo Enem, que, atualmente, é feito por mais de 4 milhões de alunos.

Segundo a secretária da Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci, “a proposta, que foi recebida com interesse e simpatia pela diretoria da Andifes, pode ter um impacto positivo na orientação do ensino médio, além de ser um fator de democratização do acesso. Hoje, um aluno candidato a um curso de Medicina só não faz todos os exames porque não tem condições de pagar, nem de se deslocar. Um exame único eliminaria este problema, além de significar uma passagem menos traumática entre o ensino médio e o superior”.

Na próxima terça-feira, 7, os dirigentes universitários devem se manifestar sobre o assunto. As instituições de ensino superior privadas e estaduais também podem aderir ao sistema.

Conheça a proposta.

E você o que acha dessa proposta?

Nenhum comentário: